Excellence for Building Portugal

Apresentação     Programa     Ficha de Inscrição     Condições de Participação

 

excColômbia: Visita de Prospeção

 

Bogotá, 6 a 12 de junho 2015

 

 

 

Esta ação destina-se a todas as empresas/atividades ligadas à fileira da construção, incluindo mobiliário, excepto construção.

 

 

mundo colombiaNo objetivo de apoiar as empresas portuguesas no seu processo de internacionalização – aumento das vendas no exterior e conquista de novos mercados –, a Associação Portuguesa dos Comerciantes de Materiais de Construção (APCMC) está a promover uma Missão Empresarial à Colômbia, que decorrerá nas cidades de Bogotá e Barranquilha, entre 6 e 12 de junho de 2015, missão cujo co-financiamento já solicitou ao QREN no âmbito do seu projeto “Exportar+”.

 

A Colômbia é a 4ª maior economia da América Latina, depois do Brasil, México e Argentina, e a 29ª a nível mundial. A política económica e a promoção de acordos de livre comércio nos últimos anos têm reforçado a sua capacidade para enfrentar choques  externos. O PIB real tem crescido próximo dos 5% ao ano e a inflação ronda os 3,5%, numa década de forte desempenho económico.

 

O sector da construção, incluindo infraestruturas e obras públicas, obras civis e materiais para construção, apresenta-se hoje como um dos motores para o rápido desenvolvimento da Colômbia. Em 2013 o PIB da Construção correspondeu a 6,8% do PIB Nacional. Durante os últimos cinco anos a procura de materiais de construção cresceu em média 5,8% ao ano, impulsionada principalmente pela construção de edifícios, que utiliza aproximadamente 42% do fornecimento de materiais para construção, e pelas obras civis, que requerem cerca de 32% (DANE, 2013).

 

Na construção de edifícios, a construção habitacional cresceu 12,7% anualmente, enquanto a construção de edifícios não residenciais atingiu taxas de crescimento anual de 9,7% (DANE, 2013). Este crescimento, alicerçado na procura de habitação por parte de uma classe média e média alta, tem sido também impulsionado pelo governo, que está empenhado em reduzir o deficit habitacional promovendo também a construção de habitações de interesse social.

 

As grandes obras em infraestruturas (estradas, autoestradas, portos, aeroportos e caminhos de ferro) têm sido responsáveis pelo crescimento do sector, crescimento que se irá manter durante os próximos anos de acordo com a plano de investimento público do governo colombiano.

 

 

Mais informações: Paula Gomes - paula.gomes@apcmc.pt

 

logos

 

 

 

 

 

algeria 

 

não esquecer

Principais Obrigações Fiscais - Abril

IRS – Tabelas de retenção na fonte / 2015

Orçamento do Estado para 2015

Produtos e Materiais de Construção Sujeitos a «Marcação CE»

IMT - Tabelas Práticas 2015

Salário Mínimo, IAS e UC para 2015

Ajudas de Custo 2015

Subsidio de Refeição e de Viagem 2015

Mapa de Férias 2015

Regime de Bens em Circulação

Juros de Mora Comerciais - 1º semestre. 2015

Horário de trabalho e livrete - pessoal afeto à exploração de veículos. Entendimento da ACT

Renovação da Carta de Condução

Contrato Coletivo de Trabalho do Setor

Cadastro Comercial

CAE - Rev. 3 Classificação Portuguesa de Actividades Económicas

Livro de Reclamações

Livretes Individuais de Controlo

Indicação de Preços

Uso da Língua Portuguesa

 

youtube

GREY/GREEN

Filme Promocional da Fileira dos Materiais de Construção, das Empresas e da Arquitetura e Engenharia Portuguesas.

 

SUBSCREVER NEWSLETTER apcmc news

clique aqui

 

 

 

 

sage

 

manutenção de sites